Comentários

    O que é melhor para minha empresa: site responsivo ou aplicativo?

    Sua empresa precisa de uma presença digital? Então, confira nosso post e saiba como tornar isso possível!
    By Nathalia Pimentel

    Escolher entre um site responsivo ou aplicativo móvel se refere muito mais às possibilidades de negócios do que às capacidades técnicas que cada plataforma tem para oferecer. O motivo é que o mesmo conjunto de clientes que acessa sua empresa por meio de um computador pode potencialmente se conectar à sua marca por meio de um smartphone.

    Por isso, uma das primeiras decisões que os gerentes de produto devem tomar quando começam a se concentrar nos dispositivos móveis é se eles apenas vão fazer o seu produto web “amigável” para smartphones e tablets, ou vão investir no desenvolvimento de uma aplicação móvel. Isso é um pouco como perguntar se é melhor viajar de carro ou de moto. Dependerá do seu gosto e necessidades.

    Os sites e aplicativos móveis podem parecer muito parecidos à primeira vista, e a determinação do que é mais adequado às suas necessidades dependerá de uma série de fatores, incluindo público-alvo, orçamento disponível, finalidade e recursos necessários. Então, como saber o que é melhor para a sua empresa? Acompanhe este conteúdo para descobrir!

    1. Qual a importância da presença digital para sua empresa?

    É desafiador fazer uma empresa crescer, especialmente diante de uma concorrência tão dura nesta era digital. Inclusive, as estratégias e táticas de marketing podem variar de empresa para empresa.

    Isso não ocorre por acaso, afinal, a invenção da internet mudou drasticamente o campo de negócios. Assim, ela oferece oportunidades semelhantes de marketing para todos os tipos de empresas. O marketing na internet não apenas é acessível pelo seu baixo custo, como também é uma forma de marketing muito eficaz para a maioria das organizações. É por isso que cada vez mais empreendimentos estão se concentrando em ter uma forte presença online.

    Portanto, não importa o que sua empresa faz, se não ela tem presença digital, pode ficar mergulhada na obscuridade. Isso porque a maioria das pessoas tende a usar o Google ou outros mecanismos de busca para encontrarem informações sobre uma empresa ou serviço.

    Se elas não conseguem encontrar nada sobre o que você faz no ambiente online, isso pode afetar seriamente a sua credibilidade e reputação no mercado. Na verdade, as empresas precisam construir uma presença online para aumentarem sua publicidade, produtividade e vendas.

    E, para garantir que seu negócio esteja sempre ali nas buscas dos usuários, existem recursos como os sites responsivos e os aplicativos móveis, que podem te deixar ainda mais próximo dos seus clientes.

    2. O que é um site responsivo?

    O site responsivo é como qualquer outro — ele usa páginas HTML que podem ser acessadas com qualquer navegador. No entanto, enquanto um site habitual é criado para visualização em um computador, um site móvel é especialmente projetado para aparecer em telas menores, como telefones celulares e tablets.

    Um site responsivo possui um design especial baseado em consultas de mídia CSS — design de páginas web. Ele permite que o conteúdo do site se encaixe em qualquer tipo de tela, desde notebooks a smartphones. No entanto, essas consultas têm algumas imperfeições: não só exigem mais trabalho e atenção do desenvolvedor, como o site também poderá demorar mais tempo para carregar.

    A propósito, você não deve confundir os sites responsivos e adaptáveisAfinal, apesar de um site adaptável também funcionar bem em telas menores, ele não é tão versátil. Na verdade, eles ​​funcionam com determinados parâmetros da tela.

    É difícil prever todas as combinações possíveis para que o site responsivo possa ser uma decisão melhor. De qualquer forma, tenha em mente que a web responsiva tornou-se popular quando as empresas perceberam que trabalhar mal em dispositivos móveis poderia significar a diferença entre cativar um potencial usuário e/ou cliente e perdê-los para a concorrência.

    Na verdade, é bastante óbvio. Quando estamos à procura de um serviço ou produto, e o site não funciona de forma perfeita, provavelmente, refinaremos a pesquisa em vez de aguardá-lo dar resultados.

    3. O que é um aplicativo?

    Por sua vez, um aplicativo móvel é um software desenvolvido especificamente para uso em dispositivos de computação pequenos e sem fio, como smartphones e tablets, em vez de computadores desktop ou notebooks. Ou seja, a gestão de aplicativos móveis é responsável por projetar os apps com consideração pelas demandas e restrições dos dispositivos, e também para aproveitar todas as capacidades especializadas que possuem.

    Eles são categorizados como aplicativos nativos ou não nativos, que são criados especificamente para uma determinada plataforma. Uma terceira categoria — a dos aplicativos híbridos — combina elementos de aplicativos nativos e da web.

    Os propósitos desses aplicativos são variados, desde utilidade, produtividade e navegação até entretenimento, esportes, fitness e praticamente qualquer outro imaginável. A mídia social é um dos campos mais populares de desenvolvimento e adoção de aplicativos para dispositivos móveis.

    Vale ressaltar que um desenvolvedor de aplicativos móveis cria um aplicativo especificamente para o sistema operacional no qual ele será executado. Por exemplo, os aplicativos móveis para o iPad são suportados pelo iOS da Apple, mas não pelo Android do Google. Desse modo, um aplicativo Apple não pode ser executado em um telefone Android, e vice-versa.

    Muitas vezes, os desenvolvedores criam uma versão para cada um: por exemplo, um aplicativo móvel na Apple Store pode ter um semelhante no Google Play.

    4. O que é melhor: site responsivo ou aplicativo?

    Como destacamos na introdução, isso é um pouco como perguntar se é melhor viajar de carro ou de moto. Afinal, quando se trata de decidir se é mais vantajoso criar um aplicativo móvel ou um site responsivo, a escolha mais apropriada depende realmente dos seus objetivos finais.

    Se você estiver desenvolvendo um jogo interativo, um aplicativo provavelmente será sua melhor opção, por exemplo. Mas, se o seu objetivo é oferecer conteúdo amigável para dispositivos móveis para a audiência mais ampla possível, um site provavelmente é o caminho mais adequado a seguir.

    Vantagens do site responsivo

    A adoção de smartphones e tablets aumentou rapidamente, assim como a importância de sites responsivos ​​para dispositivos móveis. Esses dispositivos mudaram a abordagem para o design e a experiência do usuário. Antes da disseminação de dispositivos móveis com capacidade avançada de navegação na internet, os web designers tinham apenas um desafio primário para lidar com a mesma aparência e visão de seus sites.

    No entanto, interagir com sites em smartphones e tablets não é o mesmo que fazê-lo em monitores de um computador desktop ou de o notebook. Fatores como “Click versus Touch”, tamanho da tela, resolução de pixels, suporte para a tecnologia Adobe Flash, marcação otimizada e muitos outros tornaram-se cruciais ao criar sites com design responsivo.

    Portabilidade

    Não requer download ou instalação. Além disso, a maioria dos sites é gratuita. Independentemente do sistema operacional, você pode usar facilmente um site responsivo em seu smartphone. Mas não se esqueça de um detalhe importante — conexão à internet. A maioria dos sites não pode funcionar sem ela.

    Reparável

    Em oposição aos aplicativos móveis, um usuário não precisa instalar a nova versão para ver os aprimoramentos no site. Para a maioria, os usuários nem sequer percebem o processo de atualização. Eles simplesmente podem desfrutar do produto renovado. Ao mesmo tempo, é mais fácil e mais barato para um proprietário atualizar um site.

    Praticidade

    Os sites móveis são muito mais fáceis de serem encontrados pelos usuários, porque suas páginas podem ser exibidas nos resultados de pesquisa e listadas em diretórios específicos do setor, o que facilita que os visitantes qualificados o encontrem.

    Mais importante ainda: os visitantes regulares podem ser enviados automaticamente para o seu site móvel quando estão conectados aos smartphones (usando a detecção de dispositivo). Em contrapartida, a visibilidade dos aplicativos é amplamente restrita às lojas de aplicativos do fabricante.

    Custo efetivo

    As vantagens de ter um único site que atende à necessidade de todos os dispositivos são significativas quando comparadas com dois sites separados ou um aplicativo mobile. De fato, um site responsivo custa menos do que os tradicionais, e a economia pode ser substancial.

    Isso porque os sites concebidos exclusivamente para o tráfego de dispositivos móveis não oferecem as técnicas avançadas de navegação encontradas em sites tradicionais, e também exigem que o usuário mantenha dois endereços da web. Isso é inconveniente para a maioria das pessoas e pode fazer com que elas prefiram o site da concorrência.

    Por outro lado, o design web responsivo aprimora os esforços de SEO ao ter todos os visitantes direcionados para um único endereço, não importando o que eles preferem usar como dispositivo.

    Vantagens do aplicativo

    Os aplicativos móveis funcionam de forma diferente dos sites responsivos. Eles não são executados em todos os dispositivos e precisam ser instalados separadamente, mas o que eles fornecem como diferencial é uma experiência de usuário única. Embora o seu site tenha como objetivo atrair clientes novos ou ocasionais, um aplicativo móvel funciona com clientes regulares.

    Um aplicativo é notavelmente bom quando uma pessoa precisa completar algum objetivo de forma rápida. Se bem projetado, portanto, ele deve dar ao seu cliente todas as oportunidades para executá-lo apenas com alguns cliques e toques.

    Mais rápidos

    Os apps geralmente são 1,5 vezes mais rápidos do que os sites responsivos, além de também executarem ações muito mais rápido. Isso porque os aplicativos armazenam seus dados localmente no seu dispositivo.

    A recuperação de dados acontece em um piscar de olhos. No caso dos sites mobile, os dados precisam ser obtidos dos servidores da Web, que podem demorar desde alguns segundos a um minuto dependendo da velocidade da rede e dos tamanhos dos pacotes de dados.

    Outra razão é que os sites responsivos usam o JavaScript para executarem funções, enquanto os aplicativos executados em frameworks podem ser até cinco vezes mais rápidos. Como tudo isso acontece no back-end, seus usuários conseguem realizar ações muito mais rápidas no front-end, aproveitando-as com uma experiência perfeita.

    Conteúdo personalizado

    Os usuários adoram conteúdo altamente personalizado de acordo com suas preferências. É como oferecer uma comunicação na língua que eles falam e entendem. A personalização centrada no usuário é fundamental para tornar sua experiência prazerosa. Assim, ela pode ser baseada nos interesses, comportamentos, localização, cultura, entre outros aspectos que definem a identidade de um usuário, e as aplicações móveis facilitam muito o atendimento de experiências personalizadas.

    Nesse sentido, o seu aplicativo móvel pode permitir que os usuários definam claramente suas preferências desde o início. É com base nelas que você os atenderá com conteúdo personalizado.

    É importante selecionar bem as ideias do aplicativo, pois ele observará seu engajamento e comportamento para oferecer recomendações personalizadas e atualizações de filtro para eles, dependendo da sua localização em tempo real.

    Acesso instantâneo online e offline

    Todos os aplicativos móveis oferecem acesso instantâneo com um clique. Eles permitem aos usuários consumirem seu conteúdo rapidamente, oferecendo uma experiência perfeita ao armazenarem dados vitais que também podem ser acessados offline.

    Aplicativos de bancos, lojas, varejo, finanças, jogos e notícias funcionam tanto online quanto offline, por exemplo. Ou seja, carregar uma notícia que pode ser lida ou um game que pode ser jogado sem conexão à internet é simplesmente maravilhoso.

    A capacidade de trabalhar offline é a diferença mais fundamental entre um aplicativo e um site responsivo. Ainda que precisem de uma conexão de internet ativa para a execução de tarefas críticas, como pagamentos e notificações, oferecem conteúdo básico e funcionalidade aos usuários, mesmo no modo offline. E é isso que faz toda a diferença entre uma venda e a fidelização de um novo cliente.

    Pode usar recursos do dispositivo

    Os aplicativos móveis têm uma vantagem adicional: você pode codificar um aplicativo para utilizar vários recursos de um dispositivo móvel. Assim, uma vez baixados, eles podem usar recursos como:

    • câmera: que pode escanear PDFs, códigos QR, NFC e códigos de barra para pagamentos;
    • GPS: para se conectar a mapas e outros serviços como acelerômetro;
    • medidor de giroscópio e bússola: que podem ser utilizados para milhares de propósitos diferentes.

    Além disso, estamos vendo o aumento da impressão digital digitalizada em dispositivos que ainda não foram explorados para vários aplicativos e soluções.

    Melhora a produtividade e reduz custos

    Os maiores benefícios dos aplicativos móveis se referem à capacidade de elevar as comunicações entre seus funcionários, fornecedores e clientes, compartilhando os mesmos recursos, assim como dar respostas e treinamento sobre seus serviços e o comportamento do usuário. Eles tendem a aumentar a produtividade entre 20 e 40% com gráficos e ferramentas de relatórios prontamente disponíveis com os dados de clientes obtidos.

    Além disso, à medida que você se comunica diretamente com seus clientes e funcionários, seus gastos de marketing e propaganda são reduzidos drasticamente. Entretanto, seus usuários podem compartilhar informações via canais sociais integrados em seu aplicativo para expandir sua marca social na internet.

    São mais interativos

    Os apps possuem suas próprias interfaces, que permite ao usuários ter uma experiência imersiva em duas vias. Ou seja, ele pode simplesmente compartilhar uma imagem com seus amigos e mostrar o que comprou via compartilhamento fácil, para que estes possam comprar com apenas um clique.

    Atualmente, as empresas estão desenvolvendo sites para seus clientes com associações baseadas em tarefas de aplicativos com fácil acessibilidade. Isso melhora a experiência de engajamento do usuário para compra, consulta e contato com você para entrega, queixas, outras vendas e aspectos relacionados à experiência do cliente.

    5. Qual o melhor momento para minha empresa ter um site responsivo e um aplicativo?

    O design web responsivo é apenas uma parte de uma estratégia móvel completa. Os sites projetados de forma responsiva garantem que, independentemente de qual dispositivo esteja sendo usado, os visitantes recebam uma experiência útil. Eles apresentam todo o site, com o mesmo conteúdo e organização de propósito geral que você pode acessar a partir de um computador desktop.

    Os aplicativos, por outro lado, levam a experiência móvel para o próximo nível. No seu melhor, eles fazem mais do que apenas reorganizar o conteúdo e a funcionalidade existentes: eles também apresentam navegação, conteúdo e funcionalidade de forma especificamente otimizada para que os usuários possam usar seus dispositivos móveis da forma como desejarem.

    A experiência do aplicativo pode ser curada para o propósito específico dos usuários, que precisam de algo acionável, visualizável e facilmente acessível em momentos breves e espontâneos. Os aplicativos também podem envolver usuários com notificações push e integração com recursos de plataforma e dispositivo indisponíveis nos sites responsivos apenas para exibição.

    Incorpore seu site responsivo em seu aplicativo móvel

    Se você gastou muito tempo e recursos para que seu site seja receptivo e totalmente otimizado, a ótima notícia é que você pode tirar proveito de seus ativos responsivos e incorporá-los em seu aplicativo.

    Os usuários de aplicativos móveis estão tentando alcançar rapidamente um objetivo específico, muitas vezes, em um período que vai de 5 a 10 segundos.

    Ao incorporar seus ativos responsivos no seu aplicativo, a experiência móvel com curadoria vai incluir vários recursos e feeds de dados, tais como vídeos, mapas, notícias, sociais e páginas responsivas específicas do seu web site atual, sites de terceiros e outras fontes de informação, e até mesmo sites de pagamento.

    Por isso, em um aplicativo móvel bem projetado, apenas as páginas da Web mais relevantes são incorporadas diretamente no aplicativo para uma experiência perfeita e totalmente integrada que mantém os usuários focados e na tarefa. Em seguida, o aplicativo monta e combina esses feeds e páginas da web com novos fluxos de trabalho e recursos para uma experiência móvel verdadeiramente unificada e rica.

    Também é importante lembrar que um site responsivo ou aplicativo não são necessariamente exclusivos. Muitas organizações têm um site público amigável para dispositivos móveis para sua presença na Web, bem como um aplicativo para download para acomodar requisitos mais específicos. No final, trata-se de escolher a ferramenta certa para o trabalho.

    Agora que você entende melhor sobre as diferenças entre sites responsivos e aplicativos, quando usar cada um deles e quais as vantagens de cada um, pode entrar em contato conosco e conferir as melhores soluções que podemos oferecer. Basta acessar a página da nossa empresa!

    Categorias:
      Mobile  
    esse post foi compartilhado 0 vezes
     000
    Sobre

     Nathalia Pimentel

      (34 posts)